terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Artigo: Uma Nova Aurora Cultural Nasce em 2009...

Por Luiz Domingos de Luna

Triste é a sociedade que coloca as paixões partidárias acima da maestria das abelhas mestras, que, mesmo diante de um solo inóspito e das circustâncias adversas de uma região caracterizada na correnteza da história de carências múltiplas betumada, as mais das vezes, por um provincianismo coloquial que chega a beirar o ridículo ou ao esdrúxulo.
A Historia do Secretário de Cultura, Desporto e Turismo de Aurora - O Abalizado José Cicero da Silva - Quem a frente dessta pasta - hoje é referência para o Cariri cearense é tão somente o terminal de um jovem abnegado que fez de sua vida um apostolado às causas de Aurora. Aurora hoje é uma cidade globalizada, no Cariri, é presença constante no sites mais acessados e não de menor envergadura no estado do Ceará, como ver este processo acelerativo e constante senão a mão de José Cicero a correr no tempo e na história; como um devocionado a causa, quando em Aurora a internet ainda era um 'bicho papão' dos grandes centros urbanos, já em boa hora, os trabalhos do José Cicero a bailar nos parcos sites da época sempre carregando nas costas o nome de Aurora por todos os rincões do País.
Por que existe uma renitência em reconhecer que a Secretaria de Cultura de Aurora tendo a frente o professor José Cicero é, como já é reconhecida no Cariri - a vitrine cultural de maior envergadura no sul do estado do Ceará, qual o lucro ou prejuizo intelectual de reconhecer o óbvio apenas como o óbvio.
Creio que a tendência de amiudar a secretaria de Cultura de Aurora é tentar amiudar o próprio dinamismo que este jovem vem, desde há muito, em pleno alvorecer da mocidade tentando dar vez e voz a terra do 'sol nascente'. Pois o legado que o professor vem fazendo em Aurora é uma exceção à regra no conjunto maior.
Qual a cidade do Ceará que tem a constância do José Cícero no desenvolvimento da cultura, literatura, esporte, turismo, com ilação ou não com o poder público? Nós aurorenses, não podermos usar da hipocrisia, para mascarar o brilhante trabalho do professor José Cícero da Silva no processo de desenvolvimetno da terra do menino Deus - Pois, ao cair nesta armadilha estamos induzindo as nosssas crianças e jovens a demolir a nossa identidade cultural, social e política feita com tanta dor, obstinação, bravura e tenacidade dos pioneiros.
Que a luz do José Cícero não seja apenas o substrato para a morte das borboletas que de tanto buscarem a luz ficaram cegas pela seu brilho intenso na batida do caniço quebrado...
E assim, nós ao processo de nossa atividade cognitiva e intelectual possamos contemplar e admirar a luz pela sua função maior de dar claridade aos cegos.
Luiz Domigos de Luna
É professor, escritor, agente cultural
e mestre da Ordem Sta.Cruz

domingo, 27 de dezembro de 2009

O Velhinho e o Menino

Por José Cícero
Devagarinho.
O velhinho
Despede-se de nós.
Relapsos dorminhocos
Bêbados de cerveja e vinho.

O velhinho,
Devagarinho
Com seus passos lentos
Leva consigo,
Entre outros trastes
Nossos bons
e maus momentos.

Devagarinho
O velhinho
Exausto,
Carrega sobre os ombros
Como em lombos de jumento
Angústias e sofrimentos
E outros maus bocados
Que vivemos.

Prestes a amanhecer
na curva do caminho
O velhinho
Encontra um menino
Destemido,
Trazendo consigo
Sobre as costas
Um cesto pesado
Cheio de sonhos
Que serão distribuídos
Um a um,
Como presentes
Nas nossas portas.

O velhinho
É o ano velho
Que vai indo.
E o menino
É o ano-novo
Prenhe de esperanças
Que vem chegando,
Iluminando o mundo
Com o seu sorriso.

O menino
Chega de mansinho
Com o amanhecer.
E sorrindo,
Como se um anjinho o fosse
Pronuncia: estou aqui!
A que todos dizem:
Seja bem-vindo!
Feliz Ano-novo...
(*) José Cícero
In Minhas Metáforas cotidianas/09 Inédito

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Funcionários da Seculte-Aurora participam de comemorações na sua sede social


Na noite da última quarta-feira(23) funcionários da Secretaria de Cultura, Turismo e Desporto(Seculte) participaram das comemorações natalinas e do encerramento simbólico de 2009 com a tradicional trocas de presente, através da brincadeira do “amigo invisível”.
O acontecimento ocorreu na sede do órgão localizada na Avenida Antonio Ricardo. Apresentações de mensagens através de um data-show e músicas natalinas, além do oferecimento de um coquetel foram algumas das atividades que marcaram o Natal da Seculte.
Por ocasião da sua fala, o secretário José Cícero externou sua satisfação por todo o trabalho exitoso desenvolvido pela sua equipe por todo o ano de 2009. Ao tempo que desejou aos presentes um natal e ano-novo de muitas realizações, saúde e paz.
Na mesma noite ocorreram as comemorações no paço da prefeitura para os funcionários, bem como no CSU para os idosos atendidos pela Secretaria de Ação Social. Na quinta-feira foi a vez dos funcionários da biblioteca pública Antonio Jaime de Alencar Araripe localizada na antiga estação ferroviária. E na tarde de sexta, a mesma comemoração aconteceu na sede da secretaria de obras.

domingo, 20 de dezembro de 2009

FUTEBOL:Dois jovens atletas e um massagista de Aurora são escolhidos para compor o Atlético de Cajazeiras


1- Premiação da Copa Aurora 2- Arnaldo talento escolhido para o Atlético
Depois de três etapas(a 1ª delas ocorrida em Aurora) que marcaram a seletiva para a escolha de novos talentos que comporão a equipe do Atlético de Cajazeiras-PB; o município de Aurora que participou com nove nomes, terminou o peneirão nesta sexta-feira como dois deles escolhidos, Renato 19 anos do time do Santa Vitória e Arnaldo do Araçá de 21 anos.
Os dois viajarão na próxima semana para integrar o plantel da equipe Cajazeirense comandada pelo conhecido técnico Jorge Pinheiro. O massagista Pio, funcionário da Seculte e que também atuou na Copa Aurora também foi convidado a assinar contrato com o time paraibano devendo viajar também com os dois atletas.
Pouco mais de seis municípios do Cariri Oriental participaram da seletiva. Uma disputa como se viu das mais difíceis, mas que Aurora saiu vitoriosa por ter conseguido eleger dois dos seus mais importantes talentos, revelados durante a Copa Aurora de futebol amador e o campeonato da 2ª divisão. “Estamos felizes pelos atletas que a partir de então, vão ter a chance, a oportunidade de seguir carreira num time profissional, assim como o convite feito ao nosso funcionário Pio de Góia que também se destacara durante os eventos da nosa secretaria, onde foi observado pela equipe de 'olheiros' do time paraibano”, comentou o secretário da Seculte, José Cícero.
Já o diretor de Esportes da secretaria, Raimundo Tabosa, não escondeu a sua felicidade diante da escolha dos altetas aurorenses.
A Seculte pretende realizar parcerias com outras agremiações com a perspectiva de gerar novas oportunidades para os valores emergentes do esporte local.
A secretaria através da Prefeitura desde o começo vem dando total apoio aos altetas que participam do peneirão, incluindo o deslocamento para a Paraíba.
O prefeito Adailton Macedo, não vem medindo esforços no sentido de fazer do esporte uma das principais prioridades da sua gestão. Basta ver todo o sucesso já alcançado no esporte de Aurora em apenas 12 meses, de modo que este ano já foram realizados pouco mais de dez acontecimentos/ações de cunho sócio-esportivo, tanto na sede quanto na zona rural, além do fornecimento de bolas para as praças de esportes da sede, Tipi, Soledade e Ingazeiras. Nossa equipe de arbitragem também tem sido bastante requisitada tanto para competições locais como fora do nosso município, disse.
O próximo grande evento da Seculte será o I Campeonato de Futsal que ocorrerá em três categorias(adulto, juvenil e feminino), algo inédito na história esportiva de Aurora, afirma o secretário. A secretaria ventila também a possibilidade de inclusão, a depender da demanda, da categoria 'veteranos'. “Todos os nossos eventos são grandiosos à altura do que realmente merecem os nossos desportistas.
Além de serem extremante organizados e diciplinados, as recentes ações na área de esporte vêm sendo motivos de elogios por parte dos que realmente fazem o esporte sem paixões políticas e sem revanchismo doentio, ou seja, os que têm consciência e compromisso com a verdade e o progresso de Aurora.
Da Redação do Blog da Aurora
Leia mais em:

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

AURORA: ‘Natal Criança Feliz’ teve início nesta quinta-feira em Santa Vitória



Uma festa das mais alegres e emocionantes. Foi esta a impressão que ficou quando do lançamento do ‘Natal Criança Feliz’ organizado pela gestão municipal na manhã desta quinta-feira(17) no distrito de Santa Vitória.
Uma comitiva composta por secretários municipais, assessores, funcionários da Prefeitura e ainda com as presenças da 1ª dama Rose Macedo e do vice-prefeito Antonio Landim, bem como da vereadora Darc de Sousa. Ambos com um gorro vermelho na cabeça simbolizando a data festiva se fizeram também acompanhar de um Papai Noel, quando se dirigiram para o distrito. Lá, uma verdadeira multidão de crianças os aguardavam no clube, localizado no centro da vila. Foi uma emoção das mais vibrantes quando o papai Noel adentrou o local do evento. Estouros de fogos, aplausos e gritos da criançada tomaram conta de todo o ambiente. E era possível se ouvir longe, tamanha foi a alegria proporcionada a garotada estudantil de Santa Vitória.
Uma comemoração jamais vista naquela pacata comunidade. Dabdo início ao ato, o vice-prefeito Antonio Landim fez sua explanação ressaltando a importância daquela comemoração natalina juntos às crianças de toda região de Santa Vitória e adjacências.
Uma grande quantidade de presentes foi distribuída à criançada, estudantes dos educandários da rede municipal de ensino. Além dos presentes entregues por um personagem fantasiado do bom-velhindo, houve ainda a distribuição de picolés, pipocas e muita música natalina para os pequeninos filhos do lugar.
Não apenas crianças compareceram ao local. Pais, mães, avós, professores e a população em geral estiveram presentes ao ato de lançamento da campanha comemorativa ao 'Natal Criança Feliz' de Aurora. Numa organização da prefeitura municipal a frente o prefeito Adailton Macedo e o vice Antonio Landim.
Estando na capital federal tratando de assuntos do interesse da municipalidade o prefeito Adailton não pode participar da abertura, mas sua presença está confirmada para os demais dias que transcorrerão até a noite de Natal, coincidindo com a Festa do Padroeiro.
Socorro Macedo, da Ação Social; José Cícero da Cultura; Osasco Gonçalves da Administração; Antonio Macedo de Obras; Cícero Herivelton da Ouvidoria; Arnóbio Leite do Patrimônio; Richard Luna da Saúde; Nininha da Educação, foram alguns dos secretários e Assessores que estiveram presentes ao belo acontecimento.
No encerramento foi oferecido um lanche a comitiva nas dependências da unidade escolar local.
Da Redação do Blog da Aurora
Leia mais em:

Recesso: Atividades do PST só voltarão em 2010, diz secretário,



Atletas mirins que participam do 'Programa Segundo Tempo' em Aurora participaram na manhã da última quarta-feira, (16) do encontro que marcou o encerramento das atividades esportivas e educacionais de 2009.
O evento foi promovido pela Secretaria de Cultura, Turismo e Desporto do município, tendo como local o anexo da antiga Estação Ferroviária , um patrimônio histórico que por sinal foi recentemente recuperado pela gestão municipal.
O recesso do PST vai do último dia 16 até o dia 19 de janeiro de 2010 Estiveram presente todos os monitores e a coordenação do PST, bem como os professores das escolinhas de futebol mantidas pela prefeitura.
Uma palestra sobre a simbologia do Natal foi proferida pelo jovem Lamarck Dias representante da Pastoral da Juventude. Estiveram presentes além do secretário da Seculte José Cícero, a coordenadora Patrícia Targino, a monitora pedagógica professora Elizete Albuquerque, os monitores Damião Serafim, Virgílio Conceição e a supervisora de atividades Cícera Virgínia. Como também os integrantes da Seculte e professores das escolinhas de futebol infanto-juvenil.
Após a apresentação da palestra e a explanação do secretário e da coordenação foi oferecido um lanche seguido da distribuição de bonés para a criançada.
Durante o recesso do PST haverá um pequeno treinamento para os monitores e coordeanção que será ministrado pela Seculte. E segundo o secretário as escolinhas do Araçá e da Aurora Velha permanecerão em atividade pelo menos até o final do mês ficando o recesso para o início de janeiro quando será iniciado o campeonato de futsal.
O projeto Segundo Tempo acontece em Aurora através de uma parceria firmada entre governo federal, estadual e municipal.
Da redação do Blog da Aurora e SeculteAurora
Leia mais:
www.aurora.ce.gov.br

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Luzes da alegria: Enfeites natalinos iluminam as noites de Aurora






O natal em Aurora já começou. Em parte pelo novo e belo colorido proporcionado pela ornamentação a capricho que a gestão municipal organizou em diversas áreas públicas da cidade. Com destaque para o arco da entrada na vila Paulo Gonçalves, nas passarelas da CE-286, na ponte sobre o rio Salgado, na praça da Beira Fresca, na praça da matriz, na igreja, avenida Antonio Ricardo, na praça padre Cícero, na prefeitura e no antigo prédio da estação Ferroviária.
Há ainda previsão de que esta semana a ornamentação natalina também se estenda para a praça Santos Dumont no Araçá, a antiga caixa d’água da estação, o casarão da cultura, além de outras secretárias municipais.
A praça da matriz ganhou todo um carinho especial com que sua ornamentação foi realizada, incluindo o incremento de luzes e balões iluminados, assim como vários brinquedos destacando o papai Noel e revivendo em todos, o espírito de um Natal feliz. Todo este glamour vem agradando principalmente o público infantil que não arreda o pé dos enfeites colocados no centro da praça. Verdadeiras aglomerações de pessoas se concentram na praça da matriz só para ver toda a beleza das comemorações natalinas que este ano acontece pela primeira vez na história.
Um acontecimento de puro bom gosto e dedicação a uma das mais importantes festas do calendário tradicional do planeta.
A praça da matriz agora virou de vez um espaço de grande visitação popular. Todos os demais locais onde as luminárias foram instaladas estão recebendo com freqüência a visitação de várias pessoas, na sua maioria acompanhadas com suas crianças.
A equipe de teatro da Secretaria de Cultura(Seculte) está se articulando no sentido de organizar a montagem de um presépio vivo ao lado da matriz com todos os personagens bíblicos do natal.
Ao que tudo indica, este Natal de Aurora ficará de vez na sua história. Algo que agrada e impressiona a todos, tudo por conta da dedicada organização dos que fazem a Prefeitura municipal.
Da Redação: Blog da Aurora

sábado, 12 de dezembro de 2009

NATAL DAS LUZES: Luzes e enfeites natalinos iluminam com glamour as noites de Aurora


O natal este ano em Aurora tem tudo para ser o maior e mais organizado da sua história. Dado o rigor e a dedicação com que foi feita toda a ornamentação. Por conta disso, poderia muito bem ser denominado de “a estação da luz” em vista de toda a beleza e o requinte com que está sendo finalizada a ornamentação e a iluminação de ruas, praças, avenidas e prédios públicos.
A iluminação organizada pela gestão municipal vem chamando a atenção de todos os moradores, ao ponto de famílias inteiras, principalmente acompanhadas de suas crianças comparecerem todas as noites às praças centrais para verem de perto toda beleza da iluminação natalina de Aurora.
A ornamentação não se restringe apenas aos espaços públicos das áreas centrais, vez que também o arco da entrada, a ponte sob o Salgado e os prédios, além da antiga estação ferroviária e igreja matriz que também foram belissimamente iluminados pelas cores e pelas luzes natalinas.
Ainda estão sendo previstas de serem também ornamentados o prédio histórico que abrigam a sede da Seculte, a antiga caixa d’água metálica da estação e a praça do Monsenhor no bairro Araçá.
O Natal este ano é de fato a “estação da Luz”. Um trabalho que enche os olhos assim com o espírito de toda a população aurorense e dos visitantes. “Um trabalho de puro-bom gosto e dedicação de todos os que fazem à administração municipal”. “O período natalino representa um dos momentos mais especiais de qualquer cidade, uma tradição cristã que já faz parte da cultura de vários povos pelo mundo afora, muito especialmente no ocidente. Então é importante que cuidemos deste momento festivo com muito carinho e com a mais absolura organização. E é com este pensamento que a prefeitura vem realizando as festividades natalinas este ano”. Um trabalho que deixa a cidade mais bonita, moderna, gerando por sua vez um bem-estar de contentamento em todos os seus habitantes, opinou o representante da pasta da cultura local.
Da Redação:
Leia mais:
http://www.blogdaaurorajc.blogspot.com

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

POESIA: Visão da Seca


Por José Cícero
In Minhas Metáforas Cotidianas (Inédito)

Cacimba vazia
Na caatinga seca.
Catemba de coco
jogada,
no lixo do monturo
com a boca pra cima
esperando chuvas

no canto da cerca.

Cacão de fogo...
Três potes com sede.
Galo campina,
catando cascalho
no riacho esturricado
e nas veredas,
que vão dá pro cemitério;
lotado de covas rasas.
Crianças inocentes,
sementes
plantadas
que nunca irão nascer.

Bicho esquisito.
Pássaro noturno
agourento,
arranchado na cumeeira
da velha casa,
abandonada.
Sombra fresca da aroeira.
e do joazeiro verde,
desafiando a mata branca.
Seca.
Mijo das vacas,
raras goteiras.

Rasga mortalha
na torre da igreja.
Zombando dos homens
e das mulheres
rezadeiras
de barriga cheia.
sementes
prestes a nascer
sonhos de águas.
represadas.
pela vida inteira.

Aridez dos rios.
Riachos medonhos.
Antigos lagos,
chão batido.
Cachorros magros,
assim como os homens.
Resmungos
e latidos.
Barro rachado.
Veios morridos.
Levadas dos brejos .
piabas dos rios
em que nossas lembranças
Ainda hoje,
como crianças
Sem medo.
Pulam 'bunda canastra'
e tomam banho.
Ilustração/fotos:
http://www.dialogosuniversitarios.com.br

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Seculte-Aurora Promove Peneirão de Futebol Juvenil


De olho no grande 'peneirão' de sexta-feira, dia 11 que acontece no Estádio Municipal de Aurora a Secretaria de Cultura, Turismo e Desporto – Seculte, realizou na tarde da última terça-feira, 8 na sua sede no centro da cidade um encontro com todos os atletas juvenis que participarão da seletiva de futebol numa parceira do município com o clube Atlético de Cajazeiras-PB.
Através da realização de uma partida envolvendo duas seleções juvenis locais, os observadores que compõem a diretoria do time paraibano escolherão alguns dos jogadores que numa segunda etapa participarão de uma outra seletiva, desta feita no estádio Perpetão na cidade de cajazeiras. Todos os atletas que tomarão parte do Peneirão se destacaram durante a Copa Aurora de Futebol num total apóio da Prefeitura Municipal através do gestor Adailton Macedo.
Conforme assegurou o secretário José Cícero, bem como o coordenador do Núcleo de Esportes da Seculte Raimundo Tabosa. Esta iniciativa é apenas uma de tantas outras que a secretaria irá realizar como forma de apoiar, incentivar, projetar e dar condições para que os talentos emergentes da terra possam galgar novos degraus no mercado futebolístico, a começar pelo regional. O que o secretário José Cícero chama de verdadeira política de incentivo à profissionalização dos atletas que têm potencial e alimentam desejo e o sonho de fazer carreira no futebol.
“Estamos viabilizando junto ao Dr. Paulo Quezado, para o próximo ano, o envio de alguns atletas aurorense para uma bateria de testes no Ferroviário na capital cearense”, explicou o secretário. Para tanto, disse ele, o próprio prefeito Adailton Macedo, está disposto a contribuir de forma efetiva para que os destaques de Aurora possam mostrar seu talento lá fora e se projetar em outras agremiações de renome.
Na sexta-feira, antes da partida principal, haverá um jogo entre as duas escolinhas de futebol infantil mantidas pela Seculte como também com alguns jogadores mirins do projeto segundo tempo.Na reunião, foi relatado também a questão da realização do 1º Campeonato municipal de Futebol de Salão nas categorias: Adulto, Juvenil e Feminino.
Há ainda, segundo o secretário da pasta, existe a possibilidade da inclusão dos veteranos. “Tudo irá depender da nossa conversa com o prefeito que estará viajando para Brasília e Rio de Janeiro à serviço da gestão. Tão logo ele retorne estaremos fechando esta questão. Pois é preciso pé no chão, estamos fazendo o melhor pelo esporte e isso não é fácil.
Há custos financeiros e humanos e não nos esqueçamos que ainda estamos em meio a uma crise. Porém entendemos que isto é investimento no futuro. Mas, assim como foi a Copa Aurora e o Campeonato Juvenil segunda divisão, tudo vai dá certo porque disposição e boa-vontade o prefeito tem de sobra... basta vermos o apoio que neste onze meses tem sido dado ao futebol e até a outras modalidades com o segundo tempo por exemplo. Estamos incentivando o Voleibol e o Handebol com sucesso absoluto, pois já começou a cair na graça da nossa juventude esportiva”, daqui a pouco iremos para o basquete, o atlestismo, dentre outros, finalizou o secretário. Todos os desportistas e a comunidade em geral estão sendo convidados para assistirem mais este evento esportivo da Seculte.
Da Redação do Blog da Aurora

sábado, 5 de dezembro de 2009

Memória: Não tem mais AURORA, o café de Miriam


À memória de D.Terezinha de Américo
Um breve resgate literário sobre a memória afetiva e histórica dos Cafés antigos e casarios da cidade de Aurora na região Sul do Cariri cearense.
Artigo publicado originalmente no CMI Brasil
Por José Cícero em 16/04/2008*
Nos últimos anos constatamos com um misto de tristeza e revolta a maneira avassaladora com que a cidade de Aurora vem perdendo gradativamente parte importante do seu visual antigo. São prédios comerciais e residências que mesmo construídos de maneira simples, conservavam nos seus frontispícios as marcas e os padrões quase indeléveis de uma época distante ressabiada, dispersa nas brumas de uma lembrança quase sem idade. Coisas que de algum modo especial marcaram profundamente a memória histórica e afetiva de gerações inteiras.
Rapidamente, o passado arquitetônico da cidade está desaparecendo sem deixar vestígio. Substituído que está sendo por modernas construções sob os impulsos de uma especulação imobiliária, cuja razão de ser está no lucro e não na preservação de qualquer reminiscência do seu passado. A cidade desse modo, vai se desfazendo daquilo que poderíamos denominar de patrimônio histórico material e (até) imaterial, posto que muitos destes espaços foram cenários para boa parte do cotidiano social e político deste torrão. Cafés, bodegas, o velho mercado das bugigangas (feira-livre), bancas de açougues, barbearias, casas de tecido, farmácias, garapeiras entre outros estabelecimentos que marcaram profundamente a vida sócio-mercantil não somente de Aurora como também de todo o interior caririense.
Há quem afirme, aliás, que este é um caminho sem volta, pelo qual nenhum município poderá dá-se ao luxo de abdicar deste processo inexorável de transformação urbanística, cultural, social e econômico, sob pena de parar no tempo e no espaço. Ou quem sabe, de perder o próprio bonde da história. Como certeza, Aurora há muito já se desfez daquilo que constituiu durante muito tempo o seu invólucro essencial que a diferenciava perante as demais da ribeira salgadiana: a sua identidade.
A desfiguração da velha urbe é um fato que nos salta os olhos. E para os que estão distantes muito mais que isso... O que estão fazendo é uma crueldade! Um atentado dos mais aviltantes contra as nossas mais agradáveis recordações dos tempos idos. O processo por isso mesmo, além de célere é deveras exponencial. Mas como dizem, o progresso não pode esperar.
O centro comercial de Aurora agora mais parece uma escada, literalmente edificada na direção do sol como uma tentativa desesperada de se alcançar os céus. Ao ponto de nos remeter as narrativas da própria Babel dos tempos bíblicos. Pouca coisa do passado comercial de Aurora ainda permanece de pé. E esta substituição desenfreada não se restringe apenas ao centro, ela também se estende a outros logradouros como o quadro da matriz, ruas, becos e avenidas.
A força da grana que destrói e constrói coisas belas como disse o poeta, agora declarou guerra a qualquer resquício do nosso passado. Eis aí o que poderíamos muito bem classificar como o fantasma devorador daquilo que os homens têm de mais sagrado: a sua história.
Para destoar um pouco, tivemos a felicidade de anunciar a compra pela prefeitura do antigo casarão do Cel. Xavier; a mais remota construção da região de 1831 que há muito vinha correndo risco de ruir ou prestes a ser negociado para a especulação. Uma decisão das mais louváveis do prefeito Adailton Macedo. Cumpre destacar ainda que, a duras penas, malgrado o abandono, patrimônios como o da Estação Ferroviária e a Casa do Agente (1920) também se encontravamm em situação deplorável de conservação agora vêm sendo recuperados e revitalizados pela Seculte-Aurora por aquiescência da gestão municipal. A antiga residência do agente, inclusive, já pertence ao município vez que fora comprada pela gestão municipal para abrigar a sede da Secretaria de Cultura. Ambos dentre em breve passarão pelo processo de tombamento oficial.
A Revista Aurora na sua 2ª edição ainda em 2008 denunciou em reportagem especial de capa todo o estado de abandono em que estas construções antigas estão submetidas, no entanto, aó agora é que começram as primeiras providência. É lamentável, o tratamento que se tem dado a preservação da nossa memória.
Antigo Café fecha definitivamente suas portas:
Tivemos o fechamento do conhecido "Café de Miriam", antes localizado por várias décadas no coração da cidade. Era o último remanescente de uma época romântica em que os cafés ocupavam uma posição de destaque na vida social e política de todas as cidadelas do nosso interior. E em Aurora não foi diferente. Era por assim dizer, a caixa de ressonância de quase toda a efervescência de uma sociedade provinciana.
Tudo o que ocorria na capital e até na região, chegava primeiro nas disputadas mesas dos cafés interioranos; verdadeiras agências de notícias do nosso passado. O café de dona Miriam Ribeiro era o centro gravitacional da cidade. Lugar obrigatório para políticos, apaniguados, bajuladores, potentados e até mesmo figuras populares de uma época que não volta mais. Coisas que as gerações do presente nunca haverão de conhecer e a posteridade muito menos ainda. Portanto, mesmo sem o glamour de outrora, diríamos, que o café de Miriam, estrategicamente sediado no coração comercial de Aurora, era um símbolo deste passado que por anos a fio resistiu bravamente o quanto pôde, as invenções de uma modernidade traiçoeira, sedutora e ilusória. Essa que tudo destroi, vomita e devora...
Tudo lá tinha cheiro de história. Desde o cardápio, ao café no bule. Da própria estética do ambiente aos móveis, bem como o atendimento digno da melhor hospitalidade sertaneja. O fechamento das suas portas é também uma página que se vira para sempre na história recente de Aurora. Tudo passa, porém os cafés aurorenses, assim como o de dona Miriam não passam jamais. Visto que nenhuma memória afetiva consegue morrer tão de repente. Porque a física nunca sobrepõe a força que tem as recordações verdadeiras. Ao passo que estas, têm o poder e a faculdade de viverem para sempre, naquilo que o poeta uma vez chamou de instante eterno. Agora onde um dia existiu o Café de Miriam, há dois cubículos comerciais um frigorífico e uma loja de variedades.
Para os saudosistas de plantão, a sensação que se tem agora ao contemplar o lugar é como se o antigo prédio tivesse evaporado do dia para a noite. Resta-nos apenas, uma saudade tocando fundo a alma daqueles que viveram e, principalmente, fizeram parte desta inesquecível histórica; guardada para sempre a partir de então nas incontáveis reminiscências da belle époque da Aurora romântica que nunca sai das nossas lembranças.
(*) Prof. José Cícero
Aurora-CE.

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

O PALHAÇO

Ele chegou como um raio.
Colorindo o ambiente.
Rosto pintado.
Semblante escondido.
Olhos angustiados.
Gestos pesados.
Riu para os presentes
como de costume.
Mas, por algum momento
percebi que chorava
muito mais por dentro.
Era o palhaço.
Pisando pela milionésima vez
o picadeiro
do velho circo,
esquecido.
no oco do mundo.
no fim daquela ruazinha
montado.
Herói derrotado.
Homem sem nome.
Pano rasgado
de tantos janeiros
e orvalhos...
Porteiro triste
Macaco amarrado
com corrente
numa estaca
em um dos lados
dos poleiros.
E o palhaço
No seu mister
maldito
de alegrar
os outros.
Desprezado
na solidão de si mesmo
fingindo ser feliz;
afogando em lágrimas
seus sentimentos.

Autor: José Cícero
In Minhas metáforas cotidianas
Inédito - 2009
Foto: Blog do Crato